A Infidelidade

 

Por altura da publicação do livro…

afidelidadeouoamoremcarnevivademarzano - med

…recuperamos alguns dados do Instituto de Ciências Sociais divulgados no artigo “Um em cada dez portugueses admite ser infiel” do jornal Público de 03.05.08:

 

12% dos portugueses casados há mais de 5 anos assumem ser infiéis. Nos homens são 16,9% os que dizem ter sido infiéis, enquanto a proporção é de 7% nas mulheres. 40% das situações em que se assume a existência de vários parceiros em simultâneo ocorrem no casamento. No caso das mulheres a maioria das in-fidelidades acontece em relacionamentos enquanto são solteiras e tende a ser residual à medida que a idade avança (3,2% com mais de 55 anos). É dos 25 aos 34 anos que mais é relatada a existência de parceiros simultâneos. Os homens são os que mais relatam relações sexuais ocasionais: são 15,7% os que dizem que o seu último parceiro sexual aconteceu numa relação fortuita. Nas mulheres este número desce para 4,5%. 55,7% das mulheres dizem ter tido apenas 1 parceiro sexual; nos homens são 59% os que dizem ter tido 4 ou mais parceiros ao longo da vida. As diferenças entre géneros continuam a ser muito grandes, mas começam lentamente a esbater-se. Se nas mulheres dos 55 aos 65 anos cerca de 80% dizem só ter tido um parceiro na vida, este número desce para 42,5% nas que têm entre 18 e 24 anos. A idade das mulheres mais jovens aquando da primeira relação sexual está a menos de 1 ano dos rapazes da mesma idade: 16,5 nos homens e 17,2 nas mulheres.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: